top
logo
Hoje é terça, 22 de agosto de 2017.

Publicidade


Home Outros assuntos A era do "Não tô nem aí"
A era do "Não tô nem aí" PDF Imprimir E-mail

experiencianota10Acabou o prazo de votação no concurso "Experiencia nota 10" do site NET Educação, onde eu havia inscrito um dos projetos que desenvolvi no ano passado.

Perdemos! Mas aprendemos algo com isso.

Veja a minha análise dessa questão no restante do texto, clicando em "leia mais...".

Embora o concurso não analise os projetos, apenas os coloque em votação para o público, eu cheguei mesmo a pensar que teríamos alguma chance de ganhar, pois parte do prêmio era uma datashow para a escola e para votar não custava nada, bastando acessar o site do concurso e votar. A única exigência era fazer antes um breve cadastro rápido e gratuito e depois de votar confirmar o CPF (o que exige do votante que ele tenha CPF e "elimina" a possibilidade de muitos estudantes votarem).

Bom, noves fora nada, o resultado foi que o meu projeto teve 24 votos e o projeto ganhador teve 884. Parabéns ao vencedorvencedor! E, diga-se de passagem, é um belo projeto mesmo.

Resta então apenas uma breve reflexão sobre a origem desses 24 votos... De onde terão vindo? Entre meus amigos virtuais que disseram ter votado no meu projeto já dá para somar quase esse número. Na minha escola, entre professores, gestão e funcionários da secretaria passamos tranquilamente desse número e entre meus alunos com CPF, e sem contar os demais alunos da escola para os quais não leciono, certamente teríamos muitos votos possíveis. Considerando ainda que divulguei o projeto na Internet para um público estimado de cerca de 30.000 pessoas, o retorno em votos foi algo como 0,001%. Nada mal!

Considerando ainda que o projeto era bom, a causa era justa e o custo de votar nele era nulo, acho que só resta uma boa explicação para essa absoluta falta de votos: ninguém se importa.

Simples assim.

Mas porque será que ninguém se importa se a grande maioria, incluindo aí os "amigos engajados", os professores e gestores da escola e, principalmente, seus alunos, vira e mexe pousam de defensores da educação, amigos da escola, etc.?

Eu vi também os resultados dos demais projetos e, com exceção do projeto ganhador e de um segundo projeto também bastante votado, todos os demais naufragaram em cifras semelhantes ou piores que esses fatídicos 24 votos. Porque?

É compreensível que o Fulano de Tal que mora lá longe e nunca ouviu falar do autor, do projeto ou da escola, possa escolher o projeto em que votar pelo seu "gosto", mas o que dizer dos alunos, pais, professores e gestores da própria escola que concorria com o projeto?

Porque as pessoas que deveriam se importar, não se importam? Onde erramos como sociedade, como comunidade e como grupo? Ou será que a época é mesmo a era do "não tô nem aí"?

 

bottom

Usando o CMS Joomla!Joomla! com o tema "Colorful World" adaptado por Prof. JC. XHTMLXHTML e CSSCSS válidos.